filme: Alabama Monroe

11 de agosto de 2014
Fazia tempo que não indicava um filme aqui.
Na verdade assisti Alabama Monroe faz bastante tempo, mas só agora superei ele e consigo falar sobre. Hahaha, sério. Sabe aquele tipo de filme que mexe contigo e tu tem dificuldade de falar sobre ele sem se emocionar? Esse foi um deles. Apns que chorei revendo o ~trailer~ agora.
Sinopse: Elise e Didier se apaixonam à primeira vista. Ele é um músico romântico e ela a realista dona de um estúdio de tatuagem. Apesar das diferenças, o relacionamento dá certo e eles têm uma filha, Maybelle. Aos seis anos a menina fica gravemente doente e a família se desestabiliza.
Não consigo achar outra palavra para descrever o meus sentimentos em relação a esse filme: emocionante.
É uma mistura de sentimentos que deu certo: amor, drama, dor, sexo, felicidade, raiva... Li em alguma resenha aleatória que não daria para enquadrar o filme em nenhum gênero, por causa dessa mistura, e até concordo em partes, mas com certeza o filme pende muito para o drama.
A história segue uma narrativa não linear (gente, li isso numa resenha e achei tão chic), misturando passado, presente e futuro de momentos da vida dos protagonistas: o início do relacionamento deles, a doença da filha, brigas, sexo, shows de uma banda de bluegrass (que aliás, achei demais: achei aqui uma das músicas do filme, muito legal), cenas de profunda tristeza... 
Eu não vou dar spoiler, mas assim gente: da metade do filme em diante a coisa começa a ficar meio pesada e tem uma hora que você pensa: ok, agora não pode piorar mais. E piora. Não digam que não avisei.
Ah, se prepare também para ficar com uma vontade louca de passar no estúdio de tatuagem mais próximo, porque gente:
Quer coisa mais maravilhosa do que essa gata linda cheinha de tatuagens lindas sendo linda?
:~ (sério, não sei como terminar esse post sem uma carinha de choro).

20 comentários:

  1. Vi este filme, foi o melhor filme que vi nos últimos tempos. E também quis fazer uma, ou muitas, tatuagens...

    ResponderExcluir
  2. Ai meu deus, vi o trailer e agora não vou dormir sem ver o filme???
    Depois conto o que eu achei! :)
    Beijo

    ResponderExcluir
  3. Lembro que quando esse filme ficou em cartaz eu fiquei louca pra assistir, mas o problema é que não achava que aguentaria, na época, lidar com um filme triste a esse ponto, mas agora eu quero muito, muito assistir. Vou dar uma procurada e tentar ver por esses dias. :)

    http://www.paleseptember.com

    ResponderExcluir
  4. Também sou desses... de demorar para "superar" um filme, mas mesmo assim amo me emocionar com filmes! :)
    Não sei se vou ver esse, que fala de uma criança doente... acho que não seria muito legal pra mim, no momento! :/

    ResponderExcluir
  5. Assisti esse filme sábado e: nunca chorei tanto num filme, minha gente!!!!!!
    Mexeu demais comigo! :(

    ResponderExcluir
  6. Oba! Vou procurar!
    Obrigada pela dica!
    ;)

    ResponderExcluir
  7. Já é a segunda vez que ouço falar bem desse filme! Parece ter uma história encantadora, com certeza quando eu tiver um tempinho vou assistir.

    Obrigada pelos comentários lá no meu blog, adorei o seu <3

    http://www.cerejasnotopo.com

    ResponderExcluir
  8. Mas por que ficar com um cara com cara de mendigo? Why?

    ResponderExcluir
  9. Já anotei aqui e vai ser o próximo filme ao qual vou assistir. E, aaah, vi o vídeo da música que você colocou o link e chegou dar uma coisa aqui no coração, uma sensação boa...

    :)

    ResponderExcluir
  10. Eu fiquei com medo de assistir, acho que iria chorar uma semana hahaha

    beijinhos da Nanda,
    http://lladodedentro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. indiquei esse post nos meus links da semana (:

    http://www.prefirobsides.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Preciso ver esse filme! Ahahaha
    A resenha me deixou super na vontade!
    Pena que é todo drama e quando chega no final piora :~ hehe
    Beijos, Ingrid.

    utopianuvem.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Esse filme é de uma sensibilidade linda, mas confesso que não foi daqueles que me arrasaram! Nível dramático ta alto por aqui hahaha

    lindo seu blog ♥

    ResponderExcluir
  14. Eu sei que já ouvi o nome desse filme em algum lugar mas não sei aonde
    Ao mesmo tempo que fiquei com vontade de ver fiquei com medo pelas partes "pesadas" :(

    Novembro Inconstante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ele foi indicado ao oscar de melhor filme estrangeiro, então deve ter aparecido muito por aí :}}

      Excluir
  15. Quero ver esse filme pra ontem! Estou curiosa pra sentir essas emoções todas rsrs

    ResponderExcluir
  16. Eu vi o trailer, vi vários posts a respeito desse filme ...
    Isso significa que eu preciso assistir, por que ele me chama loucamente e eu não dou atenção :/

    http://episodiodehoje.com/

    ResponderExcluir
  17. Me pareceu interessantíssimo, vou adicionar à minha lista pra ver assim que puder!
    Adoro esses filmes tensos que nos deixam pensando por dias.

    ResponderExcluir
  18. Clarissa, vim aqui lhe agradecer por me apresentar o Alabama Monroe!

    Conheci o seu blog aleatoriamente no "Blog Day" e só passei os olhos nessa postagem sua.. quando vi você escrevendo que estava se recuperando do filme pensei "opa, deve ser bom"
    nem li a Sinopse nem os comentários, só baixei.. e hoje o assisti..


    ainda o estou digerindo, mas tive que vir aqui lhe agradecer.
    de novo, obrigada!

    ResponderExcluir

infelizmente o blogger não tem uma plataforma muito boa de comentários, então se alguém tiver algum interesse em ver minha resposta tem que voltar aqui no post. Procuro responder todos!
Obrigada pelo feedback!!

Tecnologia do Blogger.
Back to Top