filme: blue jasmine

3 de fevereiro de 2014
Sempre gostei do Woody Allen. Odiadores odiarão. E aí que saiu o filme novo dele e eu não via a hora de assistir. Recrutei uma amiga para ver comigo no cinema. Recrutem uma amiga gente. Você vai querer babar nos caras bonitos e nos figurinos. No caso específico desse, você vai invejar a Cate Blanchett e querer roubar a fonte da juventude que ela tem no porão da casa dela. E depois ainda vai querer ficar horas discutindo todas as questões existenciais que o filme traz e relacionar com sua vida, embora você nunca tenha passado por nada parecido. Nada de ver filme do Woody Allen com namorado, sempre um erro, vão por mim, já tentei.
Sinopse: Uma mulher rica (Cate Blanchett) perde todo seu dinheiro e é obrigada a morar em São Francisco com sua irmã (Sally Hawkins), em uma casa muito mais modesta. Ela acaba encontrando um homem na Bay Area que pode resolver seus problemas financeiros, mas antes ela precisa descobrir quem ela é, e precisa aceitar que São Francisco será sua nova casa.
Tá aí uma coisa que eu podia ganhar dinheiro com: escrever sinopses. Gente, essa sinopse é a coisa mais triste do mundo. Dá uma idéia completamente diferente do que o filme é. Enfim.
Blue Jasmine é comédia e drama juntos. Incrível como Jasmine (Cate Blanchett) aparece em 99% das cenas do filme e você não cansa do personagem. Aliás, Cate Blanchett está maravilhosa. Eu não consegui tirar os olhos dela nenhuma vez. E ela é um personagem detestável. Ela é esnobe, não mede palavras, trata todos como inferiores. Com o tempo você vai descobrindo o porquê disso, o que aconteceu na vida dela. Mas acredito que seja a atuação de Cate Blanchett que faz você sentir empatia pela personagem. Jasmine perde tudo - dinheiro, marido, família - e é obrigada a morar com a irmã. É a relação das duas que direciona o filme. O filme inteiro é um contraponto entre as duas: Jasmine que é, à primeira vista, fútil e gananciosa, e sua irmã, que leva uma vida humilde e é feliz assim. As duas foram adotadas mas levaram vidas completamente diferentes.
Gosto do tipo de filme onde você vê pessoas reais, reações reais. Em Blue Jasmine, ninguém é perfeito. Jasmine culpa o mundo pelas coisas que acontecem com ela e não aceita que foi ela quem se colocou naquela situação. Quem nunca?
O filme é uma delícia de assistir com as paisagens de São Francisco ao fundo e os diálogos maravilhosos, característica que mais amo no Woody Allen.
E achei o final espetacular.

12 comentários:

  1. Vou por na minha lista!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. não vai se arrepender :)

      Excluir
  2. Também gostei muito deste filme. Aliás, fazia tempo que não gostava dos filmes dele. Odiei Para Roma com amor, por exemplo, e os anteriores. Outro que gostei muito das últimas produções foi Tudo pode dar certo. Não sei se você já assistiu. mas Wood Allen é mesmo polêmico, uns amam outros odeiam,
    um abraço,
    Fernanda
    http://www.singelezas.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu ainda não vi Para Roma com Amor, mas está na lista dos próximos... eu adorei Tudo pode dar certo também :)

      Excluir
  3. Ta na minha listinha de filmes-que-eu-tenho-que-assistir-antes-do-oscar-pra-poder-falar-alguma-coisa. Parece interessante, assim como outros filmes que estão concorrendo a melhor filme. A parte triste é que não tem muitos filmes leves concorrendo a melhor filme. Você viu 12 Anos de Escravidão e Her? São temáticas diferentes, mas que te deixam com aquela sensação ruim ao terminar de assistir. Os dois são bons, como Blue Jasmine deve ser, mas tristes.

    De qualquer forma, você disse que tem um pouco de comédia, então acho que Blue Jasmine vai pro topo da minha lista.

    Beijos,

    Mari

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, mas geralmente só dramalhão que vai pro Oscar né? hahaha. Ainda não vi esses dois, mas estão na lista também :))

      Excluir
  4. Eu acho isso muito complicado, toda essa polêmica, tipo, ninguém sabe muito do passado de alguns escritores e roteiristas. Tipo, sabe-se lá o que eles faziam e muita gente cultua a obra. E agora tem isso do Wood, eu n concordo, com as coisas q ele pode ter feito;. MAs n podemos negar que ele é talentoso.
    E não vejo problema em apreciar os filmes, pois os filmes não foram só feito por ele entende, tipo os atores interpretãrão e por ai vai...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pois é eu acho que esse tipo de coisa não me diz respeito, sabe? claro que eu não gosto, mas tanta gente podre no mundo fazendo porcaria nenhuma, enfim...

      Excluir
  5. Ah propósito adoro suas resenhas de filmes, são adoráveis e intimistas... Tem opinião e reflexão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hihihi, obrigada! eu tenho dificuldade em não contar a história inteira do filme, sempre tenho que tirar algumas partes

      Excluir
  6. Tô louca pra fazer uma maratona de filmes do Woody, amo esse cara. E Blue Jasmine parece tão legal, quero muito ver! Adoro seu blog, muio muito mesmo <3

    beijos,
    -becky.

    its-becky.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu gosto mais dos filmes mais recentes dele, mas todo mundo que eu conheço que é fã dele prefere os antigos! hahaha, vai entender

      Excluir

infelizmente o blogger não tem uma plataforma muito boa de comentários, então se alguém tiver algum interesse em ver minha resposta tem que voltar aqui no post. Procuro responder todos!
Obrigada pelo feedback!!

Tecnologia do Blogger.
Back to Top